domingo, 23 de abril de 2017

Dragon Games: uma loja de games pitoresca de Novi Sad (Sérvia)

Para quem acompanha o blog, sabe que ano passado eu morei um semestre na Eslováquia fazendo doutorado. Nesse tempo que morei por lá, fiz um grande amigo que é da Sérvia: o Ondrej. Na semana passada, fui para a Hungria para apresentar um trabalho em um congresso e aproveitei para visitar os amigos na querida cidade de Bratislava. O amigo Ondrej me convidou para visitar sua terra natal e lá fomos nós para Novi Sad, a segunda maior cidade da Sérvia. Visitando o centro da cidade, encontrei a Dragon Games e aproveitei para fazer uma visita.

O lugar é muito pitoresco. Estavámos caminhando pelo centro da cidade e vimos uma placa indicando o local. Ao entrarmos em uma espécie de galeria, fomos parar em um pequeno complexo de casas bastante arruinado. Olhei pra cima e vi a placa com o nome da loja.




Subimos para o segundo andar no que parecia ser o caminho certo. Ledo engano. Demos de cara com uma porta fechada e um cachorro começou a latir muito alto. Uma senhora abriu a porta e começou a reclamar conosco (meu amigo disse que ela lançou umas maldições contra nós por perturbarmos seu sossego). Pegamos a outra escada e achamos a entrada da loja.



O lugar estava vazio e o atendente pareceu meio desconfiado da gente. Apesar do meu amigo falar sérvio e ter explicado pra ele que eu desenvolvo e estudo games, todo o tempo pairava uma aura estranha. Mas alguns minutos de bom papo e o sujeito já estava mais amistoso. Apresentou todo o estoque da loja (bem farto, por sinal) e contou sobre a "cena lúdica" nesse país. Até tirou selfie conosco (meu amigo Ondrej é o de gorro).





Cada vez mais eu empolgo com a ideia de fazer um "guia turístico" de lojas de boardgames que já visitei. Quem sabe esse ano?

Foram bons dias com comilanças extremas. A família Horvath sabe como receber bem um hóspede! Valeu, Ondrej! Pra finalizar, uma imagem do jantar da primeira noite e do emblemático relógio da torre (com uma suave neve e -4 graus).





#GoSerbianGamers

domingo, 16 de abril de 2017

Entre Juegos: um dos meus cantos favoritos de Santiago (Chile) está de endereço novo

Essa loja já teve dois posts (aqui e aqui) aqui no blog. Ela já se chamou Stronghold e depois virou a Entre Juegos. É um dos meus cantinhos preferidos de Santiago. Sempre que vou pra lá, dou uma passada pra comprar alguma lembrancinha. Antes a loja era uma portinha minúscula no Portal Lyons, mas agora está de casa nova na Nueva de Lyon 105 local 65 (Providencia). Clica aqui para mais infos, mas está bem maior agora e com muito mais opções.

Gosta de games e está indo pra lá? Separe uma horinha do seu dia para visitar. Fica do lado do metrô Los Leones.

Seguem fotos:







#GoGamers

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Santorini

Santorini é um game bem bacaninha ambientado na ilha grega de mesmo nome. O lugar é famoso pelas casas brancas com telhadinhos azuis construídas nas encostas de montanhas e o game explora justamente este feature estético do local. Diga-se de passagem, o pack de componentes é lindo - desde as ilustrações até o tabuleiro suspenso com as peças de casinhas.



Joga-se de 2 a 4 players. Em sua vez, é preciso mover o construtor e colocar uma peça de casa no primeiro nível ou continuar erguendo casas já existentes. Para construir o segundo nível é preciso estar em cima do primeiro andar de uma casa já existente. Quem conseguir colocar seu construtor no terceiro piso de uma casa primeiro, ganha a partida. Para bloquear os oponentes, é possível construir telhados azuis que impossibilitam que alguém suba e ganhe o jogo.



É bem estratégico e rapidinho (20 minutos). Pra dar um toque temático, o game tem um deck de cartas de deuses e guerreiros que conferem habilidades únicas para os jogadores gerando uma quebra na rotina de mecânicas.

Apesar do “skin” temático com deuses, casas e construtores, dá pra imaginar uma versão full abstrata dele com peças minimalistas (bem ao estilo GIPF Project). Uma boa notícia: se você não se importar com questões estéticas, é facinho de fazer um print and play pra brincar.

Ano passado, quando morei na Eslováquia, fiz uma viagem para a Grécia e visitei a ilha de Santorini. Foi legal jogar o game para lembrar essa visita.



Imagens do BGG.

#GoGamers

terça-feira, 4 de abril de 2017

WAR Vikings: baita orgulho fazer parte desse projeto

Agora saiu na imprensa, posso divulgar também. Semana passada na feira ABRIN, a Grow anunciou o lançamento do WAR Vikings. Fui convidado pela empresa no final do ano passado para participar do projeto de game design desse novo game. Foram três meses intensos, mas muito recompensadores. Foi uma experiência sensacional trabalhar com a Grow: gente séria, envolvida, organizada e com feedbacks muito coerentes.

Não posso revelar o que muda no jogo, mas tem muita mecânica nova na parada. Olha uma foto do stand da Grow na ABRIN com a novidade:



Além de ser um baita portfolio é a chance de trabalhar em um projeto de um game que foi icônico na minha infância/adolescência. Aguardem novidades por aqui. O lançamento está previsto para agosto!

#GoGrow #GoWar #GoGamers

domingo, 2 de abril de 2017

Ascension

O legal de dar aulas de game design e análise de jogos é que, muitas vezes, os alunos trazem seus games favoritos pra discutirmos. Recentemente joguei ASCENSION em uma das aulas. Deck building card game com temática de fantasia bem bacana e rápido.



Como em todo bom game que possui seu "core" nessa mecânica, ASCENSION trabalha com rodadas nas quais os players vão baixando recursos para comprar criaturas, guerreiros, construtos, poderes etc. Os decks vão sendo incrementados e ficando mais rápidos e competitivos.



O objetivo é ganhar pontos de honra e vitória que montam um "pool" comum. Quando acaba o pool, acaba o jogo e quem marcou mais pontos ganha.

Valeu conhecer.

#GoGamers

segunda-feira, 27 de março de 2017

Sushi Go Party

Esse aqui eu joguei em Santiago (Chile) no Dos De Seis Board Game Café. O Suhi Go Party é um upgrade do game Sushi Go (com mais cartas e mais possibilidades). Joguinho casual/party bem bacaninha e com uma arte divertida. O game trabalha com mecânicas de set collection, gerenciamento de recursos da mão e ações simultâneas.



A cada partida, monta-se um tabuleiro com as comidas que serão feitas naquela partida. Há sushis, makis, tempurás, giozas e tudo o mais que se encontra em um bom rodizião japonês. Cada comida tem um set de cartas que irá fazer parte de um grande deck.

Este grande deck formado por cada um dos sets de comida é dividido igualmente entre os players. A cada rodada, baixa-se uma carta na mesa e passa-se a mão para o jogador da direita. Ou seja, é preciso gerenciar o que você vai colecionar na sua mesa e o que vai passar para a frente. Há cartas que penalizam se não são colecionadas em quantidade, outras que só marcam pontos mediante certas combinações e por aí vai.

Jogo legal para usar em aulas/workshops de game design. Já gostei e quero comprar para usar em aulas.

#GoGamers

segunda-feira, 20 de março de 2017

Dos De Seis Board Game Café: uma luderia bem legal em Santiago (Chile)

No último final de semana estive mais uma vez em Santiago (Chile). Fui para lá para dar uma palestra na Universidad del Pacifico sobre processos de game design (usando como exemplo meu novo game RockFlickz). Estive lá representando o curso de Tech da ESPM. Legal demais poder fazer este tipo de trabalho. =)



Depois do trabalho, os amigos Gonzalo e Ricardo me levaram para um reino da felicidade: o Dos De Seis Board Game Café. O lugar é um cafézinho muito simpático (com café realmente excelente) e possui jogos para alugar e para vender. Os preços de venda são muito bons e os títulos para alugar e jogar na hora são muito bons (paga-se 5 reais por jogo). Os funcionários, como em toda boa luderia, explicam todos os jogos e são muito atenciosos.



Gostei tanto que fui na sexta e no sábado voltei com mais amigos lá. Seguem algumas fotos do local: destaque para os cartazes de nomes de autores de boardgame e com mecânicas clássicas.











Jogamos várias partidas de SPLENDOR (eu tinha me esquecido como esse game é legal) e outros bons games.

Muito legal! Quero voltar.

E Finalmente consegui dar um rolê rápido no Vale Nevado. Puta lugar bonito.



#GoGamers